Bem-vindo ao Blog Celso Branicio -

Pesquisar dentro deste blog

Veja a participação do munícipe Celso Branicio da APPP na Audiência Pública sobre a Integração do Sistema de Saúde no Município de Barretos realizada em 12/04/2018 na Câmara Municipal de Barretos



ATENÇÃO: Veja minha participação na audiência pública "A Integração do Sistema de Saúde no Município" realizada em 12/04/2018 na Câmara Municipal de Barretos.


A participação se deu a partir de 03hs28min14seg.


Veja a participação do munícipe Celso Branicio da APPP na Audiência Pública sobre a  Integração do Sistema de Saúde no Município de Barretos realizada em 12/04/2018 na Câmara Municipal de Barretos

Munícipe Celso Rodrigo Branicio da APPP participando da Audiência Pública 
"A Integração do Sistema de Saúde no Município de Barretos"


Perguntas que eu fiz:

Perguntas ao Secretário Municipal de Saúde e Barretos-SP Alexander Stafy Franco:

1 - É possível fazer uma nova unidade do SAMU na zona sul, ou colocar a atual unidade que fica na zona norte para o centro da cidade para facilitar a logística e diminuir o tempo de atendimento?

2 - Porque ainda não se criou emenda ao Plano Diretor e outras legislações Municipais para especificar por parte do Município quais medicamentos de alto custo são de responsabilidade da Prefeitura, visando facilitar as decisões do juizes?

3 - Porque até hoje ainda não se regulamentou a exigência do Médico imprimir as receitas e orientações médicas escritas ou usar letra de forma ao invés da cursiva para facilitar a leitura por parte dos farmacêuticos e pacientes?



Pergunta ao Edmundo Carvalho Mauad da Fundação PIO XII que administra os dois AMES estaduais e algumas UBs em Barretos, esta Fundação é a mesma mantenedora do  Hospital de Câncer de Barretos, atual Hospital do Amor.

1 - Nas UBSs terceirizadas e assumidas pala Fundação Pio XII eu gostaria de saber se já se resolveu o problema de horários dos servidores, visto que Vereadores chegaram a reclamar sobre descumprimento de 30 horas semanais que os servidores efetivos sempre fizeram e agora estão sendo obrigados a trabalhar 40 horas semanais junto com os seletistas. 

Havia um acordo de cavalheiros no sentido de que os servidores da saúde trabalhasse apenas 6 horas diárias e 30 horas semanais durante muitos anos, recentemente foi criado e regulamentado lei federal e municipal no sentido de dar este direito a eles de trabalhar apenas 30 horas semanais, não sei se a legislação ainda está em vigor, mas eu gostaria de saber como foi resolvido este problema em relação aos servidores municipais efetivos lotados nestas UBs que tem situação diferenciada em relação aos servidores contratados pela CLT.

Foi contratado mais servidores para fazer rodízio e manter as 30 horas semanais de cada um ou vão usar o sistema de banco de horas, pois, a maioria das Secretarias Municipais não usam banco de horas oficialmente e de forma regulamentada e aí geraria problemas trabalhistas, eu mesmo trabalhei no SAAE e fui exonerado e tive de entrar com processo Judicial com pedido de reintegração por ter sido demitido durante o estágio probatório devido a atrasos gerados por assédio moral constante e dos quais eu sempre paguei em dia com reposições e tinha também horas extras nos finais de semana com plantões e assim tinhas meses em haver e não foram considerados e por outro lado, servidores protegidos os chamados "Costinhas Quentes" chegava atrasado e faltava dias inteiros e descontavam horas e dias que tinha em haver por ter feito horas extras no finais de semana e durante a semana, num banco de horas informal e que não consta em lei e só concedido a alguns privilegiados amiguinhos de chefes e da cúpula do SAAE e os demais era proibido, então se for usar este sistema que seja feito uma lei e regulamentado o seu uso para que todos os servidores de forma oficial tenha este direito, enfim como se resolveu este problema?


Celso Rodrigo Branicio
Diretor de Eventos da APPP - Associação de Participação Popular na Política
Ex Conselheiro Municipal de Saúde de Barretos de 2007 a 2012 como representante do segmento Usuário SUS da Sociedade Civil representando o sindicato AFUSE - Sindicato dos Funcionários e Servidores da Educação do Estado de São Paulo


Veja abaixo o vídeo completo desta Audiência Pública:
Integração do Sistema de Saúde no Município de Barretos-SP

TV CÂMARA BARRETOS

Transmitido ao vivo em 12 de abr de 2018

INSCRITO 428

Audiência Pública - A Integração do Sistema de Saúde no Município - Em 12/04/2018


https://youtu.be/-ENCthddZ4w



Minha participação se deu a partir de 03hs28min14seg.




Transmitido ao vivo há 15 horas

INSCRITO 232


Categoria
Entretenimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POSTAGEM DE DESTAQUE

UnBHoje - 6 a 12 de novembro de 2020 (Universidade de Brasília)

  06 A 12 DE NOVEMBRO 2020 ANO 35 Nº 6212 ...