Bem-vindo ao Blog Celso Branicio -

Pesquisar dentro deste blog

Crianças da Rede Municipal de Ensino de Barretos passam fome com falta de alimentos na Merenda Escolar de Barretos

Fonte da Imagem: Comunidade Pró Barretos do Facebook


Foi publicado uma postagem na Comunidade Pró Barretos no Facebook, onde fizeram denúncias graves sobre a merenda escolar servida nas escolas municipais de Barretos. Na postagem alegam que as porções servidas tem sido diminutas como meia banana, em outro dia, depois pão com manga e em outro dia foi servido laranja, claramente os cardápios feitos pelas nutricionistas da própria Secretaria Municipal da Educação com cronograma para o ano inteiro não estão sendo seguidos.

Este é mais um ato de pura irresponsabilidade com as crianças e a educação, como o Ministério Público disse a respeito dos desvios na Previdência Municipal, este Prefeito é um Prevaricador, aliás, ele merecia não só perder o cargo como foi pedido na época pelo Promotor,  mas estar preso por todos os desmandos na administração pública onde administra como um moleque incompetente e que só sabe agradar a quem trabalhou na campanha eleitoral dele e os Partidos que o apoia na câmara para eles sempre tem dinheiro para tudo e lugar para colocar os trens da alegria com assessores, novos cargos e contratações temporárias e terceirizados, até deixa de convocar os aprovados no último concurso para atender seus apoiadores.

Temos de lembrar que alguns anos atrás sumiram 12 toneladas de carne da merenda escolar e foi crida uma CPI que como normalmente  ocorre não descobriram nada e ninguém foi punido ainda, mas havia denúncias e grande suspeitas de distribuição para uso em churrascos no futebol varzeano onde mais de 10 mil pessoas acompanham todos os finais de semana e rende é claro muitos votos para Vereadores que atuam no futebol varzeano como técnicos, Diretores e também a Prefeito e  de fato estes vereadores e o próprio Prefeito foram reeleitos e estes votos certamente foram de vital importância em suas reeleições.

A questão é que mesmo assim  até hoje apesar das investigações ninguém foi punido e durante muito tempo o MEC (Ministério da Educação e Cultura, hoje Ministério da Educação) através do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação)  proibiu a compra de carne para a Merenda Escolar com verbas Federais enquanto não se resolvesse este caso e neste período tiveram de usar recursos próprios da Prefeitura e aí começaram a servir mais peixes e ovos para se economizar recursos municipais.

Lamentável o descaso com as crianças e a Educação que nunca foi prioridade nesta administração e a Merenda Escolar chegou a ser ainda pior quando começou o primeiro mandato do atual Prefeito Guilherme de Ávila e na época o Promotor Flávio Okamoto  depois de uma grande campanha da população pelas redes sociais encabeçada pela minha amiga Dinah Campos Peterlevitz, pelo moderador da comunidade  BQNV (Barretos Que Ninguém Vê) Anderson, a Jaqueline do Mães que Mentem e eu que também ajudei muito nesta campanha e conseguimos através do Ministério Público muitas melhorias e um TAC (Termo de Ajuste Conduta) que fez com que houvesse mudanças para melhor, mas depois disto o Dr. Okamoto foi transferido de Barretos e anos depois, houve este problema do sumiço de carne, assédio moral contra merendeiras onde minha esposa Adriana Conceição Ananias veio a óbito em 01/09/2014 devido a grave depressão e outras merendeiras estão afastadas por depressão e algumas pediram exoneração de tanto assédio moral e agora conseguiram reverter todas as conquistas e voltar ao caos de antes e pelo visto ainda pior do que na época que este Prefeito entrou no primeiro mandato em 2013, mesmo sendo hoje mais experiente com 5 anos e meio de administração ele conseguiu piorar a merenda escolar.

O estranho é a omissão do MEC que sabe dos problemas, inclusive do CAE o Conselho de Alimentação Escolar que não tem paridade, são pessoas em sua maioria ligadas a administração municipal  e representam o povo e praticamente não fiscalizam e nem querem bater de frente com o Prefeito, assim como a Câmara Municipal onde reina a bancada do amém que não querem em hipótese alguma fiscalizar a administração municipal, mesmo com denúncias com provas e as CPIs como a da carne e até mesmo a da Santa Casa, se arrasta por anos e até agora nada foi definido e ninguém punido, só o fazem por desencargo de consciência lamentavelmente.

Eu só espero que o Ministério Público possa interceder como o fez no passado com o excelente Promotor Flávio Okamoto e negociar com o Prefeito melhorias na merenda escolar que está um caos e fazer um TAC com multas caríssima no caso de descumprimento para se assegurar que tudo o que foi combinado possa ser cumprindo.

Seria interessante também a participação da Defensoria que tem sido muito ativa na defesa da cidadania e acima de tudo que possam cobrar do Ministério da Educação através do FNDE - Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação que chegou a investigar o CAE (Conselho de Alimentação Escolar) e nada fez para resolver em definitivo o problema e que se cobre também responsabilidade do CAE e do Conselho Municipal de Educação que assim como a Câmara Municipal estão dominado em sua maioria por pessoas ligadas ao Prefeito e não estão cumprindo com suas obrigações, estão fazendo vistas grossas para um problema grave, só para não importunar o Prefeito e correr riscos de perder suas benesses ou de seus partidos.

A Merenda Escolar recebe verbas do FNDE, ou seja do Governo Federal através do Ministério da Educação e também do estado através da Secretaria da Educação, além, da contrapartida com recursos municipais e são verbas carimbadas que vem com um só destino e não podem a priori serem usadas em outros setores e Secretarias.

Na audiência pública do último quadrimestre de 2018 realizada no final de Maio/2018 na Câmara Municipal foi dito que não gastaram os 25% previsto para o período e estão deveria estar sobrando verbas e não faltando, temos de investigar também se está faltando merenda escolar nas escolas estaduais e se o fornecimento de alimentos está regularizado, o Prefeito alegou como resposta que os problemas na Merenda Escolar se deve a greve dos caminhoneiros, mas antes mesmo da greve já havia problemas na Merenda Escolar e a greve já acabou a cerca de um mês.

No caso das escolas estaduais temos de verificar junto a Dirigente Regional de Ensino Solange Bellini da Diretoria Regional de Ensino de Barretos como está  a Merenda Escolar nas escolas da rede estadual, pois, a compra e distribuição dos alimentos é feito pela Prefeitura e depois repassadas as escolas municipais e estaduais.

É importante também verificar os cardápios feitos pelas nutricionistas da Prefeitura e se estão sendo cumpridos e pelo visto como foi dito nas denúncias com tanta falta de alimentos e outros sendo dados pela metade como laranjas e bananas, pelo visto não estão conseguindo cumprir com o cronograma dos cardápios da Merenda Escolar  e isto é grave, pois, as nutricionistas o fazem de acordo com as necessidades nutricionais dos alunos e com alimentos em sua maioria de nossa região, mas existe denúncias também de irregularidades no pagamentos dos produtores rurais da agricultura familiar e até da participação de um sindicato cujo presidente é vereador suplente que já substituiu durante meses um vereador da oposição, só que este presidente do sindicato sempre foi da bancada do amém do Prefeito e que faz de tudo para acobertar os problemas, pressionando os produtores rurais de agricultura familiar a aceitar sem reclamar esta situação ao invés de lutar pela regularização dos pagamentos.

Vamos nos unir e cobrar do Ministério Público e Defensoria Pública ação para resolver este problema grave, é a nossa grande esperança de resolver o descaso com a Merenda Escolar, temos de lembrar da importância dos alunos estarem bem nutridos para ter uma boa educação, estudar com fome é muito ruim e atrapalha a concentração e absorção do conhecimento e sem contar  que muitas crianças tem na merenda escolar a sua principal refeição e muitos infelizmente a única.  


Barretos, 27 de junho de 2018


Celso Rodrigo Branicio
Licenciado em Educação Física pela UnB
Graduado em Processamento de Dados pela FISO
Pós Graduação e Análise de Sistemas pela Universidade Federal de Uberlândia-MG
Diretor de Eventos da APPP (Associação de Participação Popular na Política)


 

SAIBA MAIS:

AS CRIANÇAS COM FOME: GRUPO DO FACEBOOK DENUNCIA IRREGULARIDADES NA MERENDA ESCOLAR DE BARRETOS

A denúncia é do grupo do facebook Pró-Barretos e, se confirmada, representa uma situação de caos na administração municipal e a mais completa omissão e desinteresse dos vereadores barretenses.

Segundo a postagem, os alunos da rede municipal de ensino têm recebido, como merenda escolar, porções diárias diminutas, como, num dia meia banana, no outro um pão com manga e, na última quinta-feira, a alimentação das crianças ficou restrita a uma laranja.

A denúncia é gravíssima e deveria ter a atenção do Ministério Público, uma vez ter sido solenemente ignorada pela Câmara, que, embora custe R$ 13 milhões ao povo de Barretos, parece concordar que uma laranja é suficiente para alimentar as crianças da cidade. É ruim, hein...


Fonte: Rádio Cultura Fm Guaíra Sp

https://www.facebook.com/radioculturadeguaira/posts/1853911901337827






Nenhum comentário:

Postar um comentário

POSTAGEM DE DESTAQUE

UnBHoje - 6 a 12 de novembro de 2020 (Universidade de Brasília)

  06 A 12 DE NOVEMBRO 2020 ANO 35 Nº 6212 ...