Bem-vindo ao Blog Celso Branicio -

Pesquisar dentro deste blog

domingo, 11 de setembro de 2016

GUILHERME DE ÁVILA Prefeito de Barretos ainda é investigado pelo GAECO e POLÍCIA FEDERAL por possível envolvimento com a MÁFIA DO ASFALTO, relembre o caso

GUILHERME DE ÁVILA Prefeito de Barretos ainda é investigado pelo GAECO e POLÍCIA FEDERAL por possível envolvimento com a MÁFIA DO ASFALTO, relembre o caso




TJ reabre investigação sobre "máfia do asfalto" em Barretos

Caso de suposto recebimento de propina envolve prefeito Guilherme Ávila.

10/09/2014 | Política / Política


TJ reabre investigação sobre O Tribunal de Justiça do Estado determinou a continuidade da investigação sobre o suposto envolvimento do prefeito Guilherme Ávila, com a chamada "máfia do asfalto". O suposto esquema de corrupção investigado seria operado pela empresa "Scamatti", vencedora da licitação para obra de Fundo de Vale em Barretos com recursos do PAC federal, beneficiando agentes políticos através do pagamento de propinas. O acórdão da 13ª Câmara de Direito Criminal do TJ é assinado pelo desembargador De Paula Santos, relator do caso, e foi acompanhado também pelos desembargadores Augusto de Siqueira (presidente sem voto), Renê Ricúpero e Cardoso Perpétuo.

O desarquivamento do caso foi solicitado pela Procuradoria Geral de Justiça em virtude da apresentação de documentos que “retratam anotações encontradas por ocasião de diligência de busca e apreensão levada a efeito na residência de Olívio Scamatti, pela Polícia Federal, concernentes a eventuais valores oferecidos pela quadrilha averiguada ao município de Barretos, dentre outros”, sob o argumento de que constituem provas novas.

A investigação da ação da chamada "máfia do asfalto" em Barretos e outras cidades tem a participação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) - Núcleo São José do Rio Preto. De acordo com informações do GAECO, foram encontradas planilhas que tratam de "contabilidade de pagamentos feitos pelos membros da quadrilha investigada, encontrando- se entre as anotações referência ao pagamento ilícito que teria sido feito ao Prefeito de Barretos, Guilherme Henrique de Ávila". 

Ainda de acordo com o GAECO, teriam sido feito pagamentos em Barretos no mês de março de 2014 de R$ 20.000,00; R$ 40.000,00 e R$ 20.000,00 "valores estes que teriam sido entregues, respectivamente, por Olívio Scamatti e Ilso Donizete Dominical”. Com base na documentação apresentada, a 13ª Câmara de Direito Criminal do TJ determinou o "desarquivamento dos presentes autos, abrindo-se vista à douta Procuradoria Geral de Justiça para que requeira o que entender de direito".

10/09/2014 | Política / Política


Procuradoria da República pede documentos que investigaram a Máfia do Asfalto em Barretos (Jornal de Barretos Regional)

A Procuradoria da República de Ribeirão Preto, que é responsável pelo encaminhamento de processos federais no município de Barretos, já solicitou junto ao MP Federal de Rio Preto, os documentos que envolvem a atuação do Grupo Scamatti & Seller em Barretos, bem como as transcrições das gravações telefônicas que apontaram que o ex-prefeito Emanoel, seu assessor direto Guilherme Montanari, e uma funcionária da Prefeitura, teriam recebido propinas do grupo.

Segundo informações colhidas ontem na Procuradoria, em Ribeirão Preto, o processo tramita sob sigilo para não atrapalhar as investigações, mas os documentos já foram pedidos pelo procurador André Bueno, responsável pelo caso. “Com os documentos em mãos, o Procurador vai definir qual procedimento será adotado”, afirmou o funcionário que atendeu a reportagem.


Procuradoria da República pede documentos que investigaram a Máfia do Asfalto em Barretos (Jornal de Barretos Regional)
Seção: Notícias - Barretos e Região - 19/11/2013





Polícia Federal aponta que Secretário de Guilherme também recebeu propina da Máfia do Asfalto (Jornal de Barretos Regional) 

Polícia Federal aponta que Secretário de Guilherme também recebeu propina da Máfia do Asfalto (Jornal de Barretos Regional)

Documentos da Polícia Federal de Jales apontam que além do ex-prefeito Emanoel e seu assessor direto, Montanari, o atual Secretário de Gestão Estratégica da Prefeitura de Barretos, Thiago Chiesa, também teria recebido uma propina de R$ 20 mil do Grupo Scamatti, que é investigado na Operação Fratelli. O dinheiro teria sido recebido por Thiago no dia 5 de março deste ano,
Os relatórios apontam ainda que os documentos não justificavam a continuidade da investigação em relação ao Prefeito Guilherme de Ávila.
No dia 22 de agosto deste ano, o subprocurador geral da justiça, Sérgio Sobrane, enviou todos os documentos para a Promotoria de Justiça de Barretos para apuração da participação do Secretário Thiago e da funcionária Silvana, nos crimes que estão sendo apurados.
 
Outro lado: Prefeitura
Em nota enviada ontem à redação do “JBR”,a Prefeitura informou que “sobre o inquérito envolvendo a empresa Scamatti & Seller, a gestão municipal esclarece que todos os contratos, medições e pagamentos, bem como todas as informações adicionais envolvendo empresas sob investigação em suspeitas de irregularidades estão sendo fornecidos aos órgãos competentes sempre que solicitados”, finaliza a nota.
 
Secretário alega inocência
Sobre a citação de seu nome em inquérito envolvendo a atuação da empresa Scamatti & Seller, o secretário de Governo e Gestão Estratégica de Barretos, Thiago Chiesa, esclareceu que:
“Nunca cometi ilegalidade nenhuma. Mantive contato com todas as empresas que tinham pendências com a gestão anterior, pois esta era a minha função administrativa. Frases deturpadas e mal colocadas são fruto de maldade e têm finalidade simplesmente política. Sou um pai de família e não posso e não vou aceitar um linchamento público da minha honra sem nada dever. Sou um empresário conhecido, que nunca faria qualquer coisa errada, e me coloco a disposição do MP para qualquer esclarecimento”.

Fonte: Jornal de Barretos Regional
Seção: Notícias - Barretos e Região - 19/11/2013


MP acusa deputado e ex-prefeitos de ligação com Máfia do Asfalto   (Jornal de Barretos)

Força-tarefa do Ministério Público (MP) ingressou com onze novas ações civis públicas por improbidade administrativa contra prefeitos, ex-prefeitos, servidores, empresários e construtoras da região de Rio Preto acusados de participar da chamada Máfia do Asfalto. 

As ações tem como base grampos telefônicos que deflagrou a “Operação Fratelli” promovida em abril em parceria do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Rio Preto, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF).


MP acusa deputado e ex-prefeitos de ligação com Máfia do Asfalto   (Jornal de Barretos)
Seção: Notícicas - Barretos e Região - 22/12/2013



SAIBA MAIS:


16 de nov de 2014 - Andradina na lista da proprina da máfia do asfalto ... Presidente Prudente eBarretos. o estadual Sebastião Santos (PRB) e outros possíveis ...


Justiça determina reabertura de investigação em Barretos - 16/09 ...
www1.folha.uol.com.br/.../1516524-justica-determina-reabertura-de-investigacao-em...

16 de set de 2014 - O prefeito de Barretos (a 423 km de São Paulo), Guilherme Ávila (PSDB), ... envolvidos no caso que ficou conhecido como "Máfia do Asfalto".



Fonte do desenho da máfia o Asfalto: Em.com.br 



Pets Run, venha se divertir com seu melhor amigo, dia 25/09/2016 às 08hs00 no Parque do Peão em Barretos-SP com 2 km de Corrida e Caminhada

Pets Run, venha se divertir com seu melhor amigo, dia 25/09/2016 às 08hs00 no Parque do Peão em Barretos-SP com 2 km de Corrida e Caminhada


Pets Run, venha se divertir com seu melhor amigo.

Dia 25/09/2026 às 08hs00.

2 KM de Corrida e caminhada acompanhado de um pet, a corrida será realizada no Parque do Peão em Barretos-SP.


As Inscrições custam R$ 60,00 na MP Outlet 

Avenida João Cavalini, 631, Cecap 2, Barretos-SP. 

017-3324-2776


Juninho Psqui 017-9-9223-9892 

Dieguinho 017-9-8139-9457.


Válido para 1 pessoa e 1 pet.


Kit acompanha: Camiseta/Bandana/Medalhas/Cata Caca/Número de Peito.


Largada às 09hs00.


Apresentação Dog Show.


Apoio Os Independentes.






JUSTIÇA ABRE PROCESSO CONTRA PREFEITO E SEU PRIMO, QUE É SUPERINTENDENTE DO SAAE, POR FALSIFICAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AUMENTAR AS TARIFAS DE AGUA E ESGOTO MAIS QUE O DOBRO DA INFLAÇÃO




JUSTIÇA ABRE PROCESSO CONTRA PREFEITO E SEU PRIMO, QUE É SUPERINTENDENTE DO SAAE, POR FALSIFICAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA AUMENTAR AS TARIFAS DE AGUA E ESGOTO MAIS QUE O DOBRO DA INFLAÇÃO


Fonte: Vídeo no Facebook Perfil de Juninho Leite





POSTAGEM DE DESTAQUE

UnBHoje - 6 a 12 de novembro de 2020 (Universidade de Brasília)

  06 A 12 DE NOVEMBRO 2020 ANO 35 Nº 6212 ...